quarta-feira, 1 de outubro de 2014

BRINQUEDOS COM MATERIAL RECICLÁVEL

  
 SEMANA DA CRIANÇA SE APROXIMA, ALÉM DE VÁRIAS RECREAÇÕES QUE AS TURMAS PODEM FAZER, QUE TAL UMA OFICINA DE BRINQUEDOS? ELES VÃO AMAR CONSTRUIR E DEPOIS BRINCAR.

O REAPROVEITAMENTO DE MATERIAIS  É PRECISO, AJUDA A NATUREZA E ALEGRA A CRIANÇADA.

ÁBACO DE LACRES







Veja como é fácil construir esse ÁBACO.
Você vai precisar de:

  •  uma tábua 
  • 10 palitos de madeira
  • cola para madeira 
  • lacres de garrafa pet em diversas cores.
  • GUITARRA COM CDs

    Essa eles vão amar!
    • dois CDs
    • linha de nailon
    • papelão
    • tinta plástica colorida 
    • fita adesiva 
    • pinos plasticos
    Recorte uma tira de papelão, cole entre os CDs. Decore a guitarra com tinta plástica e deixe secar. Faça quatro furos e coloque os pinos reforce com cola quente. Amarre em cada pino um pedaço de linha de nailon e estique até a outra extremidade cole com fita adesiva.

  • ROLA- ROLA DE PET


    O rola-rola é um brinquedo simples de fazer e que você vai e seus alunas vão adorar.
    • dois fundos de garrafas Pet
    • fita adesiva 
    • barbante
    • tinta guache 
    Pinte o lado interno dos fundos da garrafa um de cada cor. Deixe secar. Faça dois furos um ao lado do outro no fundo da garrafa. Passe o barbante juntando as duas partes. Atravesse o barbante novamente para o outro e amarre. Feche a junção das garrafas com fita adesiva. E agora é só segurar nas pontas do barbante e fazê-lo rolar. 
  • CAI NÃO CAI DE PET

     

    Aproveite esta atividade para desenvolver atividades em duplas. Trabalha a concentração e coordenação viso-motora.

    • garrafa pet 
    • palitos de churrasco
    • bolinha de gude  
    • fita adesiva colorida
    Perfure diversas vezes a garrafa de um lado a outro com ferro de solda ou (use um arame grosso aquecido). Proteja as pontas com fita adesiva colorida. Coloque os palitos atravessando a garrafa. introduza a bolinha e feche a garrafa. O jogo consiste em retirar as varetas sem deixar cair a bolinha.
    Divirtam-se.
  BARANGANDÃ



  • Folha de revista ou jornal
  • barbante
  • tiras de papel crepom em várias cores.
Corte tiras de papel crepom, faça várias dobras na folha de revista, ao centro amarre um pedaço de barbante com as tiras de papel crepom. Decore colando tiras do papel para cobrir a revista.

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Hábito da leitura




5 dicas para incentivar o hábito da leitura

   Gostar de ler é um importante adicional no processo de aprendizagem. Despertar esse gosto ainda na infância é uma ótima forma de fazer a criança entrelaçada ao conhecimento das palavras, da interpretação e da imaginação.

São inúmeros campos do intelecto que ganham com a leitura, melhoria do vocabulário, escrita correta, pluralidade de assuntos, aumento da imaginação e reflexão, auto-conhecimento além de contato com a cultura brasileira e internacional através de obras clássicas.

Os pais podem ser a ponte para direcionar e construir esse hábito, o quanto antes melhor.


1- Leia junto com o filho


Compartilhar momentos de leitura é uma ótima forma de manter no ambiente familiar momentos relaxantes e ao mesmo tempo enriquecer conhecimentos. Escolha diariamente uma horinha para ler com as crianças, nem que seja alguns minutos. 

Tente dar vida à leitura, mude a voz e interprete os diálogos do enredo, use fantoches e bonecos, criança adora ser “levado” pela estória, é nesse ponto que o gosto pela leitura é despertado, poder viajar pelas frases e temas contadas abordadas no livro até mesmo antes de saber ler sozinha.


2 – Monte uma biblioteca


Gastamos dinheiro com roupas, calçados e brinquedos, por que não também investir em livros? Procure, de acordo com a faixa etária, comprar livros, alugar em bibliotecas e sempre tenha novidades em casa. A criança ficará vaidosa em ter sua mini biblioteca no quarto com títulos infantis.

Não precisa ser uma estante, caixas e baús enfeitados podem ser uma alternativa criativa e eles podem participar da confecção.


3 – Visite livrarias


Um programa que pode unir diversão e desenvolvimento são as visitas a livrarias, deixe a criança tocar os livros, olhar, folhear e procurar se encaixar no ambiente. Caso haja programação com recitais ou contação de estórias organize o tempo e compareça com os filhos.

A criança vai despertar o interesse brincando, e além disso, estará em contato com outras crianças também. Alguns estabelecimentos tem setores somente para o público infanto-juvenil.


4 – Envolva os amiguinhos na leitura


É interessante para a criança compartilhar com os amigos as aventuras lidas em um livro, incentive a troca de títulos entre amigos ou vizinhos, eles vão aos poucos desenvolver o próprio gosto e começar a escolher qual tipo de leitura preferem.


5 –Crie atividades lúdicas


Após a leitura de um livro, tome conhecimento do tema abordado e incentive a criança a fazer desenhos ou construir sua própria estória baseada na que foi lida. Mostre curiosidade para saber como foi o enredo, converse com o filho acompanhando sua explicação  e sempre respeite o nível de entendimento.

Certamente esse hábito será levado adiante, com o amadurecimento o gosto será solidificado. Durante toda a carreira de estudante até chegar no curso de faculdade o aluno vai se deparar com a necessidade de aprofundar conhecimentos e a leitura é sem dúvida o meio mais adequado e consistente.


quarta-feira, 24 de setembro de 2014

A leitura com paradidáticos

   


   A leitura é um ato importantíssimo para aprendizagem do ser humano, pois é através dela que podemos enriquecer nosso vocabulário, obter conhecimento, dinamizar o raciocínio e a interpretação.

  Ler para os nossos alunos é prática fundamental para despertar o gosto e o desejo pela leitura.

   Dicas de livros em que os personagens nos transmitem ensinamentos sobre como construir o mundo melhor.

Sobre a amizade:

O Príncipe Feliz

A rica estátua de um príncipe, arrependida de seu egoísmo quando viva, com o auxílio de uma andorinha perdida distribui para os súditos partes de seu próprio corpo para ajudá-los. Sem saber, vai perdendo a beleza e a admiração popular, mas ganhando a simpatia Divina. 




Sobre Respeito:

Os três mosquiteiros

Os três mosqueteiros estão prontos para defender o rei Luiz XIII. Athos, Porthos e Aramis enfrentam todos os perigos para impedir que o demoníaco Cardeal Richelieu destrua o rei da França. Enquanto isso, o jovem D'Artagnan que sonha ser um Mosqueteiro, coloca sua vida em risco quando resolve agir sozinho e apaixona-se pela Condessa de Winter, a bela espiã de Richelieu. Se D'Artagnnan conseguir escapar das armadilhas da Condessa e tornar-se um Mosqueteiro, ainda assim terá que provar sua lealdade e habilidade de grande espadachim. 


Sobre Generosidade:

    Oliver Twist

Numa cidadezinha da Inglaterra, uma jovem dá à luz um menino e morre em seguida. O pequeno órfão recebe o nome de 'Oliver Twist' e vive seus primeiros nove anos em instituições de caridade. Não suportando tantos maus-tratos, Oliver foge para Londres, onde inadvertidamente se junta a um bando de marginais, comandado por - Fagin.

Sobre Humildade:
O maravilhoso mundo de Oz
L. Frank Baum (1856-1919), o escritor, poeta, ator e cineasta nascido em Chittenango, Nova York, escreveu um dos mais populares livros da literatura infantil de todos os tempos – O Maravilhoso Mágico de Oz (1900). A versão musical para o teatro do livro foi apresentada na Broadway de 1902 a 1911, com estrondoso sucesso. Não menos sucesso teve a versão cinematográfica de 1939, estrelada por Judy Garland, no papel de Dorothy.A obra nos conta a encantadora história da garota Dorothy, que é levada por um ciclone à fantástica Terra de Oz, onde entra em contato com o Homem de Lata, o Espantalho, o velho mágico e uma série de outros personagens fabulosos, em uma jornada de pura magia e beleza.Esta edição contém ilustrações da primeira edição da Geo. M. Hill Co., Chicago – New York, 1900, de W. W. Denslow.


Sobre Responsabilidade:

O Pequeno Príncipe

O Pequeno Príncipe é uma fábula. Ou se preferirmos, uma parabola. Não é um livro para crianças, porque traz justamente a mensagem da infância, a mensagem da criança. Essa criança que irromperá de repente no deserto do teu coração, a milhas e milhas de qualquer região habitada. A menos que não queira ver, a face do Pequeno Principe, a face de um outro, coroada com os espinhos da rosa.... Este livro é também um teste. É o verdadeiro desenho numero 1. Se não o quiseres compreender, se não te interessas pelo seu drama, fica aqui a sentença do Principe: Tu não és um homem de verdade. Tu não passas de um cogumelo.

Sobre Coragem:

O vento dos salgueiros
"...um livro infantil divertidíssimo, contrastando a vocação doméstica e intimista do Toupeira com o espírito aventureiro do Rato, a sabedoria ajuizada do Texugo e as destrambelhadas aventuras do Sapo, rebelde, sem juízo, entusiamadamente triunfante em sua irreverência. Pela força psicológica dos personagens que cria e a quem dá vida - ainda que sejam simples animaizinhos do campo ou habitantes das margens de um rio - Kenneth Grahame dá origem a um universo que nenhum leitor esquece. Em suas ações, se desenrola uma história de crescimento, de formação de um personagem (Toupeira), e essa narrativa é que nos carrega. O leitor acompanha emocionado o relato de uma situação com que toda criança sonha - e muito adulto também. Ou seja, vamos seguindo o processo em que o herói sai da segurança do lar para se lançar no mundo, e passa de um estágio de inexperiência e medo para uma fase mais madura, em que tem condições de dar conselhos e é capaz de liderar os outros."

Sobre Amor:


Heide
Heidi é uma história sobre a vida de uma menina órfã da Suíça escrita como livro infantil em 1880 pela escritora suíça Johanna Spyri.
Muitas gerações de crianças se encantaram com a história de Heidi, essa adorável e alegre menina que, na sua maneira inocente, consegue transmitir o sentido da verdadeira felicidade a todos os que com ela convivem. É a docilidade e a sabedoria ingênua desta personagem que permitem descobrir que são os pequenos gestos e as atitudes, os verdadeiros sentimentos, como o amor, a generosidade e a simplicidade, alguns dos ?segredos? para se alcançar essa felicidade. Não é à toa que Heidi é uma das histórias infantis mais populares do mundo e que continua ?ensinando? até os dias de hoje. 

Bom trabalho!

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Frases para Alunos com Incentivo e Motivação

  

 Todo professor saber que motivar um aluno é a base para que esse se desenvolva, o incentivo deve vir tanto por parte dos pais quanto por parte dos professores. 
   A educação no Brasil ainda está longe de ser um modelo ideal no entanto graças aos esforços de educadores em muitas partes do país vemos grandes exemplos de alunos que devidamente motivados por seus professores ganharam prêmios e se destacaram na sociedade. Nossa sugestão é que seja criado um cartaz com frases para alunos e colocado na sala de aula para que esses possam ter contato com as palavras de grandes pensadores que um dia retrataram a importância do ensino, dos alunos e dos professores.

Veja algumas frases para motivar e incentivar alunos na sala de aula.

"Estudante, deixe o passado e viva o Presente, absorva o conhecimento de seus mestres pois através deles construirá seu futuro." (Luis Alves)

"O aluno quando jovem muitas vezes não consegue enxergar o professor como um mestre, os anos passam e aqueles que amadurecem de verdade ao encararem o passado podem se dar conta que perderam uma grande oportunidade de ter um mestre como amigo."(Luis Alves)

"Educar é viajar no mundo do outro, sem nunca penetrar nele. É usar o que pensamos para nos transformar no que somos.(Augusto Cury)

"Ser aluno é ter a humildade de entender que pouco sabe e reconhecer naqueles que sabem um pouco mais a imagem de um mentor que carrega em suas mãos as chaves com as quais poderão abrir as portas do conhecimento.(Luis Alves)

"Motivar alunos é despertar em seu interior o desejo pelo conhecimento, um aluno motivado aprende e ensina." ( Luis Alves)

"Ninguém educa ninguém, ninguém educa a si mesmo, os homens se educam entre si, mediatizados pelo mundo." (Paulo Freire)

"Todo amanhã se cria num ontem, através de um hoje (...). Temos de saber o que fomos, para saber o que seremos. (frases de motivação para alunos, Paulo Freire)"

"Otimismo é a fé que conduz à realização, nada pode ser feito sem esperança e confiança." (Helen Keller)

Fonte:http://www.esoterikha.com/coaching-pnl/frases-para-alunos-de-incentivo-e-motivacao-para-sala-de-aula.php


sábado, 23 de agosto de 2014

Texto : A Árvore Generosa


Um texto muito lindo e emocionante, sobre uma grande amizade entre uma árvore e um menino. Uma história que vai despertar em seus alunos o valor de uma amizade.

Do original de Shel Silvertein, Adaptado por Fernando Sabino


Era uma vez uma Árvore que amava um Menino. 
E todos os dias, o Menino vinha e juntava suas folhas.
E com elas fazia coroas de rei.
E com a Árvore, brincava de rei da floresta.
Subia em seu grosso tronco, balançava-se em seus galhos!
Comia seus frutos.
E quando ficava cansado, o Menino repousava à sua sombra fresquinha.
O Menino amava a Árvore profundamente.
E a Árvore era feliz!
Mas o tempo passou e o Menino cresceu!
Um dia, o Menino veio e a Árvore disse:
"Menino, venha subir no meu tronco, balançar-se nos meus
galhos, repousar à minha sombra e ser feliz!"
"Estou grande demais para brincar", o Menino
respondeu. "Quero comprar muitas coisas. Você tem algum dinheiro que possa me oferecer?"
"Sinto muito", disse a Árvore, "eu não tenho dinheiro.
Mas leve os frutos, Menino. Vá vendê-los na cidade,
então terá o dinheiro e você será feliz!"
E assim o Menino subiu pelo tronco, colheu os frutos e
levou-os embora.
E a Árvore ficou feliz!
Mas o Menino sumiu por muito tempo...
E a Árvore ficou tristonha outra vez.
Um dia, o Menino veio e a Árvore estremeceu tamanha a
sua alegria, e disse: "Venha, Menino, venha subir no meu
tronco, balançar-se nos meus galhos e ser feliz".
"Estou muito ocupado pra subir em Árvores", disse o menino.
"Eu quero uma esposa, eu quero ter filhos, pra isso é preciso que eu tenha uma casa. Você tem uma casa pra me oferecer?"
"Eu não tenho casa", a Árvore disse. "Mas corte meus
galhos, faça a sua casa e seja feliz."
O Menino depressa cortou os galhos da Árvore e levou-os
embora pra fazer uma casa. 
E a Árvore ficou feliz!
O Menino ficou longe por um longo, longo tempo, e no
dia que voltou, a Árvore ficou alegre, de uma alegria tamanha que mal podia falar.
"Venha, venha, meu Menino", sussurrou, "Venha brincar!"
"Estou velho para brincar", disse o Menino, "e estou também muito triste." "Eu quero um barco ligeiro que me leve pra bem longe.
Você tem algum barquinho que possa me oferecer?"
"Corte meu tronco e faça seu barco", a Árvore disse.
"Viaje pra longe e seja feliz!"
O Menino cortou o tronco, fez um barco e viajou. 
E a Árvore ficou feliz, mas não muito!
Muito tempo depois, o Menino voltou. 
"Desculpe, Menino", a Árvore disse, "não tenho mais nada pra te oferecer. Os frutos já se foram."
"Meus dentes são fracos demais pra frutos", falou o Menino.
"Já se foram os galhos para você balançar", a Árvore disse.
"Já não tenho idade pra me balançar", falou o menino.
"Não tenho mais tronco pra você subir", a Árvore disse.
"Estou muito cansado e já não sei subir", falou o Menino.
"Eu bem que gostaria de ter qualquer coisa pra lhe
oferecer", suspirou a Árvore. "Mas nada me resta e eu sou apenas um toco sem graça. Desculpe..."
Já não quero muita coisa", disse o Menino, "só um lugar sossegado onde possa me sentar, pois estou muito cansado."
"Pois bem", respondeu a Árvore, enchendo-se de alegria."
"Eu sou apenas um toco, mas um toco é muito útil pra sentar e descansar."
"Venha, Menino, depressa, sente-se em mim e descanse."
Foi o que o Menino fez. E a Árvore ficou feliz!
A AMIZADE É UM SENTIMENTO QUE SE LEVA PARA SEMPRE...
Link do livro:
Utilize também um filme adaptado da história

quinta-feira, 10 de julho de 2014

DIA DO AMIGO


    Algumas datas sempre existiram no calendário, mas nem sempre as pessoas tinham hábito de se lembrar, mas de uns anos para cá algumas datas tornaram-se bem lembradas no dia a dia das pessoas, e o Dia do Amigo é uma delas. Essa data está se tornando um ótimo motivo pela qual as pessoas usam para poder relembrar aquela amizade, para dar uma lembrancinha ou um presente. E isso é interessante mesmo, com certeza vale a pena, por que não é todo dia que nós temos essa data, e relembrar uma amizade importante. Aquelas que estamos mais afastadas são as melhores para você poder atualizar nessa data, por isso aproveite bastante essa data.



Como surgiu essa data?


    No dia 20 de julho comemora-se o Dia do Amigo, uma pessoa que não tem laços consanguíneos, mas que é tão dedicado e prestativo quanto às pessoas da família.
A ideia de criação da data surgiu do dentista e professor argentino Enrique Ernesto Febbraro, pois o mesmo analisava que a partir da chegada do homem à lua, o mundo não teria mais fronteiras, deixando de existir as barreiras nos relacionamentos entre as nações, independente da raça, da ideologia ou da religião.
    A amizade é conceituada como “sentimento de afeição recíproca, de simpatia e solidariedade, de perfeito entendimento entre grupos de pessoas. É um relacionamento social que gera concordância de sentimentos, posição de respeito ao outro, mesmo tendo opiniões diferentes.”
Na data, Enrique promoveu uma grande festa na capital Argentina, dedicando-a aos amigos. O evento foi um sucesso e a comemoração passou a ser adotada por outras pessoas, se difundindo por todo o mundo. A oficialização da data aconteceu com o decreto nº 235/79.
    Em razão da comemoração e criação da data, Enrique Febbraro foi homenageado, recebendo duas indicações ao prêmio Nobel da Paz.
O Brasil adotou a data rapidamente, pois a população de nosso país é acolhedora, simpática e calorosa. Faz parte do perfil do povo brasileiro ser hospitaleiro e fazer muitas amizades.
   Mas ser amigo não é somente conhecer e conviver à distância. A verdadeira amizade requer muito mais dessa relação.

Amigo é aquele que estende a mão quando precisamos, que faz críticas construtivas para que possamos crescer enquanto pessoas, que sofre com nossas angústias e com nossos problemas, mas está sempre do lado, dando forças e incentivando-nos a lutar, a não desistir dos nossos sonhos.



SUGESTÕES DE TRABALHAR  ESSE DIA EM SALA DE AULA:
  • AMIGO SECRETO: COM CARTÕES, DOCES OU LEMBRANCINHAS;
  • CORREIO AMIGO: PREPARE UMA CAIXA E DEIXE NA SALA , DURANTE A SEMANA OS ALUNOS VÃO ESCREVER CARTAS PARA O AMIGO ESCOLHIDO E DEPOSITAR NA CAIXA. NO DIA COMBINADO SERÁ ENTREGUE AS CORRESPONDÊNCIAS;
  • VÍDEOS, FILME, MÚSICAS E MENSAGENS TRABALHADAS NO DECORRER DA SEMANA.
  • ENCERRE COM UM LANCHE COLETIVO, MUITAS BRINCADEIRAS E ALEGRIA.


segunda-feira, 26 de maio de 2014